Soluções Imobiliárias, Cíveis e Trabalhistas.

Últimas notícias

Corregedor-Geral de Justiça ouve propostas para os juizados e CPE

Na manhã desta segunda-feira (15), o Corregedor-Geral de Justiça, Des. Sérgio Fernandes Martins, acompanhado do juiz auxiliar da Corregedoria, César Castilho Marques, esteve na Central de Processamento Eletrônico (CPE), que funciona no Centro Integrado do Justiça (Cijus), para conhecer o trabalho desenvolvido e ouvir as demandas para o serviço.  Eles foram recebidos pela juíza diretora do Cijus, Sandra Regina da Silva Artioli, pelo juiz diretor da CPE, Wilson Leite Corrêa, e pela diretora da Secretaria Judiciária de Primeiro Grau, Conceição Pedrini Pereira. O Corregedor-Geral ouviu as demandas dos juizados especiais apresentadas pela juíza Sandra Artioli e as propostas para otimização dos serviços judiciários da CPE. Conheça – A Central de Processamento Eletrônico, uma das propostas de maior sucesso da justiça sul-mato-grossense, já foi replicada em outros Estados da Federação, que utilizam a metodologia para dar celeridade no trâmite processual. A CPE iniciou sua atuação em 2013, nas varas de execução penal do Estado e depois alcançou as varas dos juizados de comarcas do interior e a justiça comum. Atualmente, os cerca de 240 servidores da CPE atuam em aproximadamente 300 mil processos, pididos em juizados de 36 comarcas e em 8 comarcas com feitos da justiça comum. Desde setembro de 2015, a Central movimenta 100% dos processos de execução penal do Estado. Pela excelência nos resultados do trabalho e por ser uma inovação, a CPE ganhou destaque como Cartório do Futuro e vem despertando interesse por parte de vários tribunais brasileiros, inclusive com recomendação do Conselho Nacional de Justiça para que conheçam esta prática exitosa.
15/04/2019 (00:00)

Controle de Processos

Usuário
Senha

Newsletter

Nome:
Email:
Visitas no site:  34614
© 2019 Todos os direitos reservados - Certificado e desenvolvido pelo PROMAD - Programa Nacional de Modernização da Advocacia